Canal Verde
Canal Verde
Previous
Next

Sobre o Programa​

O Programa Nacional CANAL VERDE BRASIL-ID é uma mudança radical no processo logístico de transporte de carga no Brasil, reduzindo custos operacionais aos transportadores, reduzindo os riscos de roubo e desvio de carga, redução com os custos de seguro da carga e rastreabilidade do veículo, combatendo a concorrência desleal e garantindo uma melhor prestação de serviços aos seus clientes ao Governo Federal, Estadual e Municipal, uma redução significativa nos custos operacionais e de manutenção das barreiras fiscais, combate efetivo a fraude e evasão fiscal, incremento da receita e melhora na prestação de serviços ao contribuinte.

Do ponto de vista da área pública o modelo possibilita a implantação de metodologias de fiscalização mais assertivas, Já que o processamento da documentação fiscal poderá ser realizado de forma antecipada à chegada do veículo de carga ao estado de destino, desta forma é possível antecipar o potencial de fraude e ou irregularidade no trânsito da mercadoria, realizando o procedimento fiscalizatório apenas nos veículos com estes potenciais de problemas, reduzindo os custos operacionais das instituições envolvidas no procedimento fiscalizatório.

Veículos de carga aderentes ao Programa Nacional CANAL VERDE – BRASIL-ID, devidamente identificados, poderão vincular o identificador eletrônico (IVC-e) no momento da abertura de seus manifestos de carga (MDF-e), garantindo assim, que no momento de uma passagem por um Sistema Leitor de Dispositivo (SLD) padrão Brasil-Id instalado em uma rodovia, alimente automaticamente o Operador Nacional dos Estados ONE, ampliando desta forma o relacionamento do transportador de carga com as Secretarias de Fazenda Estaduais.

A partir destas informações, os órgãos de fiscalização dão início aos procedimentos de análise da documentação em formato eletrônico.

Em caso de conformidade nos procedimentos fiscais e tributários bem como as regras de fiscalização de cada estado, o veículo de carga poderá ter maior celeridade no seu trânsito.

Benefícios para o Transportador

Menor Tempo

Redução do tempo de parada nos postos de fiscalização de divisa;
Redução do tempo de viagem.

Menor Custo

Redução do custo da “imprevisibilidade” da efetiva chegada da carga na transportadora, motivada por problemas fiscais em um ou mais documento contido na unidade de carga.

Menos Burocracia

Melhoria no processo de distribuição das mercadorias, uma vez que as mesmas não ficarão retidas em consequência de problema em uma das NF-e do lote do MDF-e;
Incentivo a uso de relacionamentos eletrônicos (B2G).

Mais Agilidade

Maior integração de processos junto a administração tributária;
Possibilidade de entrar em contato com o cliente da transportadora para resolver pendências fiscais, antes mesmo da chegada do veículo da carga no local de destino.

EMPRESA CERTIFICADA

A BLUECORP é a Operadora Certificada pelo Programa Nacional CANAL VERDE – BRASIL-ID e está em operação em diversos estados do Brasil.

Os veículos de carga dotados da tecnologia e devidamente identificados, poderão no momento da abertura de seus manifestos de carga, vincular o identificador eletrônico (IVCe), garantindo assim, o envio imediato destas informações aos órgãos de fiscalização do destino de suas viagens. Com esta informação antecipada, os órgãos de fiscalização dão início aos procedimentos de análise verificação da documentação em formato eletrônico e em caso de regularidade nos procedimentos fiscais e tributários o veículo está dispensado de uma verificação presencial, podendo passar de forma direta pelo posto fiscal ou apenas parar para se identificar como aderente ao Programa Nacional CANAL VERDE – BRASIL-ID.​

FISCALIZAÇÃO

Outro ponto de grande interesse da classe transportadora é o fato do órgão fiscalizatório de destino da mercadoria informar antecipadamente alguma irregularidade fiscal em parte ou total da carga, possibilitando assim que o problema seja resolvido com o veículo em trânsito, evitando que na sua chegada ao posto fiscal do Estado de destino da carga, a mesma seja impedida de ser entregue.

Os órgãos de fiscalização garantem também que com a adesão dos transportadores ao Programa Nacional CANAL VERDE – BRASIL-ID, será ampliada as possibilidades de acordos com os transportadores (REGIME ESPECIAL – FIEL DEPOSITÁRIO) de forma a possibilitar a fiscalização no ambiente de deposito, garantindo o trânsito até estes pontos sem a necessidade de retenção ou verificação da carga no posto fiscal.

Este é outro ponto de extrema importância ao transportador pois a parada do veículo em qualquer ponto durante o trânsito da carga é incremento de risco ao seu negócio, facilitando furto entre outros delitos.

Benefícios para a Sociedade

Casos de Uso